Como Planejar Uma Viagem em 5 Etapas Simples

Como Planejar Uma Viagem em 5 Etapas Simples

setembro 13, 2019 Off Por Redação

Descubra neste conteúdo quais são as cinco etapas essenciais para você planejar uma viagem sem ter dor de cabeça ou imprevistos!

Está pensando em viajar, mas não sabe por onde começar? Fique tranquilo (a), pois aqui neste artigo você irá conferir 5 dicas realmente úteis sobre como planejar uma viagem.

Com um pouco de organização, preparação e esforço você pode planejar uma viagem incrível e ficará mais preparado (a) para dificuldades que pode enfrentar durante uma viagem. Veja!

1) Escolha o seu destino

A primeira etapa é escolher o destino. Algumas fotos impressionantes que se tornaram virais nas redes sociais, cenários de filmes ou mesmo uma história irresistível da última viagem de um amigo ao exterior podem ser ótimas referências para você!

Itens a serem lembrados antes de escolher um destino

  • Confira o melhor momento para visitar todos os destinos (estação do ano e quando não está em alta temporada);
  • Considere o fator de custo ao escolher um destino. Alguns lugares são mais agradáveis ​​em um orçamento de luxo do que outros. Ir para um destino de luxo algumas semanas antes ou depois da alta temporada’ pode resultar em bons descontos em hotéis e voos;
  • A segurança também é uma das principais preocupações que as pessoas devem avaliar antes de iniciar sua jornada;
  • A facilidade de acessibilidade ou a falta dela também é um fator que pode influenciar a decisão de visitar um destino ou não. Geralmente, os destinos populares têm muitos vôos diários, trens e boa infraestrutura de rodovia para apoiar o fluxo de turistas.

2) Decida a duração da sua viagem

Há uma linha tênue entre ficar entediado e aproveitar cada momento em um destino. No entanto, nenhum destino tem uma duração ideal predefinida. Depende frequentemente dos planos de turismo e da finalidade da visita dos viajantes. Alguns viajantes gostam de ver novas cidades todos os dias, enquanto outros preferem ir devagar, apreciando as nuances sutis dos lugares que visitam.

Itens a serem lembrados antes de decidir a duração

  • Um aspecto importante de um bom planejador é estimar corretamente o número de dias necessários para visitar um destino;
  • Uma viagem com muitos destinos urbanos precisará de mais tempo para passear e, portanto, de uma duração mais longa. Considerando que uma viagem a uma cidade de praia tropical não envolveria muito turismo e, portanto, a duração pode ser mais curta,
  • É aconselhável manter um dia vago nos planos de turismo que excedam 7 dias. Isso fornece um “respiro” para coisas como atrasos nos vôos/trem, engarrafamentos, atrasos no clima ou uma mudança de atitude para prolongar a estadia em um destino específico.

3) Reserve voos, trens ou passagens de ônibus e acomodações

Após a conclusão dos itens anteriores, reservar com antecedência as passagens para o seu voo, trem ou ônibus é um passo importante para planejar sua viagem com perfeição. 

Como as passagens aéreas e de trem estão sujeitas à disponibilidade e os preços aumentam com o tempo, as reservas feitas com alguns meses de antecedência ajudarão a evitar custos adicionais em seu orçamento.

Além disso, se você mora em São Paulo, por exemplo, e vai com seu veículo até o aeroporto, é importante reservar uma vaga em um estacionamento aeroporto Guarulhos para deixá-lo em segurança enquanto viaja.

Coisas a ter em mente ao fazer reservas

  • Reserve apenas passagens aéreas ou de trem mais baratas e não reembolsáveis ​​se tiver certeza absoluta da sua viagem. Caso contrário, é aconselhável reservar bilhetes reembolsáveis ​​se reservar com antecedência.
  • Os preços dos voos variam bastante, por isso acompanhe-os frequentemente;
  • Espere um aumento nos preços de voos e acomodações se você estiver reservando passagens para férias que caem durante a alta temporada desse destino específico;
  • Use cartões de crédito que ofereçam milhas e pontos para ganhar grandes recompensas e reembolsos.

4) Planeje as atividades diárias 

Muitas vezes parece fascinante e aventureiro quando os planos são feitos com um impulso e uma sensação repentina. No entanto, a desvantagem de fazer isso em viagens é que pode haver muitos dias em que o agendamento pode dar errado, porque tudo é tão de última hora. Por isso, é importante planejar tudo (ou quase tudo) o que você vai fazer.

Itens a serem lembrados ao planejar atividades diárias

  • Dependendo do orçamento e do tempo disponível, ter uma ideia aproximada de quais atividades devem ser realizadas em que dia é um ingrediente vital para entender como planejar uma viagem perfeitamente;
  • Na maioria das vezes, é melhor reservar atividades como esportes de aventura, passeios de barco e safári no próprio destino para obter um preço melhor e algumas possibilidades de negociação;
  • Mantenha apenas uma ou duas atividades em um dia se o objetivo for relaxar durante a viagem;
  • Em alguns lugares, atividades populares dependendo da data podem estar fechadas durante a sua viagem. Portanto, verifique a disponibilidade das atividades antes de ir para o destino.

5) Pesquise sobre o destino e pense na sua mala

Depois que as reservas são feitas, é sempre aconselhável levar suas coisas, tendo em mente o destino e a influência de fatores externos. 

A imprevisibilidade do clima, o cenário sócio-político ou uma estação festiva podem afetar adversamente os planos de viagem. Para evitar alterações nos planos de turismo devido a esses cenários, os viajantes devem fazer um pouco de pesquisa antes de iniciar a viagem.

Coisas a ter em mente ao fazer as malas

  • Uma camiseta e uma camisa, blusa e calça jeans sempre podem ser úteis durante viagens em que o tempo é frio ou chuvoso;
  • Coisas como protetor solar, loção ou repelente de mosquitos parecem itens desnecessários, mas são muito vitais na prevenção de doenças relacionadas à pele;
  • Como parte da sensibilidade cultural e do turismo responsável, os viajantes devem pesquisar sobre o destino que estão visitando. É aconselhável ler sobre o que fazer e o que não fazer, a fim de evitar causar conflito ou desrespeito à população do local a ser visitado.